Preaload Image
Back

Cristina Mendanha, Isto tornou-se no meu texto

maio 2018, Gnration

Este projeto pretende investigar a escrita como parte do pensamento criativo da construção coreográfica. Neste laboratório, a dança é acionada pela realização de textos em contextos site-specific, de acordo com estímulos e diretivas precisas. Este processo de criação desenvolveu-se em torno de dois eixos centrais, a saber: por um lado, analisa-se e reflete-se sobre a forma como o fluxo da escrita pode interferir nos processos criativos e de formação em dança; por outro, experiencia-se a dificuldade da tradução do ato de criação coreográfico para uma outra linguagem, permite ler nas camadas de um corpo “phármakonizado” a duplicidade de sentido, a ambiguidade e a possibilidade de gerar um corpo escrito em si mesmo. Ou seja: o remédio e o veneno.